Gestão da base de Fornecedores

A tendência nas grandes indústrias brasileiras para as área de suprimentos/compras é a aproximação entre compradores e fornecedores, entre as prioridades definidas por mais de 50% destas empresas podemos destacar:
- Desenvolvimento de parcerias / Melhor relacionamento com os fornecedores.
- Desenvolvimento de novos fornecedores e aprimoramento da base atual.
- Desenvolvimento de indicadores para as áreas de Suprimentos / Compras.
- Criação de contingências para minimizar riscos de ruptura de fornecimento.
- Melhoria dos Sistemas de IT para as áreas de Suprimentos/Compras.
A metodologia de trabalho da DM&V contempla as seguintes etapas para a implementação da Gestão Estratégica de Fornecedores.
As políticas e diretrizes definidas a seguir regulam o relacionamento do Cliente com o Fornecedor no âmbito de Suprimentos e constituem a base para o modelo de Gestão.

- O  relacionamento entre a Empresa Compradora e os Fornecedores deve ser diferenciado de acordo com a importância estratégica dos produtos e serviços.

- O relacionamento entre os Fornecedores e a Empresa Compradora deve ser uniforme, refletindo o Modelo de Gestão de Fornecedores.

- Manutenção da base somente com fornecedores que possuam uma postura ética em suas relações empresariais e que atendam as exigências referentes ao meio-ambiente, qualidade, segurança, saúde ocupacional e responsabilidade social.

- A base de Fornecedores deve atender as necessidades das áreas de Suprimentos/Compras em quantidade e qualidade.

- Qualificação de novos fornecedores de modo a suprir as carências do mercado.

A categorização dos Fornecedores  de acordo com linha de produtos e serviços ofertados  e a  demanda do cliente é a base para a gestão estratégica de fornecedores.
Para a DM&V, as diversas frentes da Gestão Estratégica de Suprimentos devem estar traduzidos em uma única linguagem. Os produtos e serviços devem ser geridos com estratégias diferenciadas de acordo com a Matriz de Classificação dos Produtos e Serviços.
Árvore de Mercado: é uma estrutura hierárquica, organizada de acordo com as características do mercado fornecedor que visa o agrupamento das Empresas a cada uma das categorias de produtos e serviços, otimizando assim a gestão da base de fornecedores atuais e permitindo visualizar rapidamente a necessidade de desenvolvimento de novos fornecedores.

© 2023 por DM&V

DM&V Consultoria e Engenharia - São Paulo - e-mail: dmv@dmvbr.com - +55 (11) 99579 5331